sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Reinvento para alinhar

Picasso
Reinvento minhas palavras
Com sua chegada
Desafio melhor que ser livre
É liberdade
Suspiro maior que a liberdade
Comoção
Me comove a surpresa de ser você
Toda dia, eu
Hoje, breve, Escandalizo o amor
Silencioso
E repito-me que já te sonhei por ser você, eu
Arranco e aguardo nu, ao amor.

5 comentários:

betina moraes disse...

bem que você havia me avisado que está amando...

versos primorosos, a foto de moça loira que amou para caramba, pablo picasso que é o rei dos amantes espanhóis...

como está bonito o seu blog,

escreva diariamente, publique todos os seus pensamentos, o amor é a maior de todas as chances!

um beijo!

ManinhaChica disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ManinhaChica disse...

Fica bonito quando você está!

Volta logo

Thiago Almeida disse...

Acabei de ler seu texto e estava ouvindo uma música chamada, Conversa de Família, Prespeus feat Fabio V. Bem na parte do solo de violino... Enfim, ficou parecendo uma trilha, sei lá... mágico!

ManinhaChica disse...

Thiago, você é minha poesia que eu gostaria por perto, juro!

Mágicas são suas palavras.
Eu acredito que a mágica não existe fora, se nao estiver dentro, portanto você é mágica que escreve pro universo florir todo dia. EU GOSTO
BEIJOOOOOOOS DE AMOR da companheira de longe, mas que chega, sempre chega!